Contraprova dá negativo, e Brenno está liberado para reintegrar Seleção Olímpica

Goleiro agora retorna para a concentração com o grupo olímpico

Foto: Divulgação / CBF

Na última sexta-feira (16) foi divulgado que Brenno testou positivo para a Covid-19. O goleiro teve de ficar na Sérvia e não pode viajar para Tóquio junto com o restante da delegação. O depártamento médico imaginava que, como o gremista já havia contraído o vírus a cerca de um mês, existia a possibilidade do resultado ser um falso-positivo, e estavam certos.

Brenno agora está liberado para reintegrar o grupo que se prepara para as Olímpiadas. A equipe tem estreia marcada para a próxima quinta-feira (22), diante da Alemanha (mesmo adversário da decisão na última edição). O arqueiro é opção para o goleiro Santos, do Athletico-PR, que é um dos três jogadores acima dos 24 anos escolidos pelo técnico André Jardine.

Pela Seleção Olímpica, Brenno tem apenas uma partida disputada. Diante da Sérvia, na vitória por 3 a 0, em junho deste ano. O goleiro teve atuação segura, e não foi vazado. Caso sua equipe chegue à final do torneio, o gremista só retornará ao tricolor durante a segunda semana de agosto.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Grêmio

Compartilhe esta notícia:

Grêmio vence o Fluminense no Maracanã por 1 a 0 e consegue a primeira vitória no Brasileirão
Felipão vê evolução no time do Grêmio: ”Já não somos o vigésimo, somos o décimo novo”
Deixe seu comentário