Com gols nos minutos finais, Inter empata com Palmeiras fora de casa

(Foto: Ricardo Duarte/ Sport Club Internacional)

O Internacional entrou na partida como líder e saiu também, mas com o empate. Contra o Palmeiras, no Allianz Parque, ambas as equipes demoraram para colocar a bola na rede. Os gols só foram acontecer após os 40 minutos do segundo tempo, antes disso, pouca coisa aconteceu.

Na escalação, muitas surpresas do lado da equipe de Eduardo Coudet, novidades em praticamente todas as posições: começaram nomes como Rodinei, Moledo, Johnny, Nonato, Praxedes e Sarrafiore. Já Luxemburgo promoveu três mudanças em relação à última partida.

A primeira etapa começou calma e com equilíbrio, com as duas equipes tentando se conhecer. O ponteiro passava dos 10 minutos e nenhum dos times havia finalizado. Mas aos 13, o colorado quase marcou um belo gol! Patrick deu uma bicicleta, mas a bola desviou em Mayke e saiu. Nos primeiros minutos, era o Inter que tinha maior posse de bola e chegava mais ao ataque do que o adversário, mas sem objetividade.

O desenrolar da partida não mudou. O colorado continou tomando conta da partida. Somente aos 32, Matías Viña, de fora da área, finalizou para o Palmeiras. Ele soltou uma bomba, mas a bola passou perto. Depois dos 40, o colorado pressinou! Aos 42, Moisés tentou de fora da área e foi por cima. Depois, em escanteio, a bola rondou na pequena área, mas acabou ficando para o goleiro Weverton.

O segundo tempo iniciou com mudanças em ambas equipes. No Palmeiras, saiu Gabriel Menino para a entrada de Rony. No colorado, Edenilson entrou no lugar de Praxedes. Foi a equipe de Coudet, novamente, que começou mais ativa na partida, trocando passes e tentando penetrar a defesa.

Logo a equipe de São Paulo acordou e passou a pressionar mais, mas sem perigo. Aos 12, Chacho fez troca dupla. Entraram Thiago Galhardo e Boschilia, Marcos Guilherme e Patrick saíram. Luxemburgo também promoveu modificações na sua equipe: Zé Rafael saiu para a entrada de Ramires.

O tempo foi passando e as chances claras de gol não existiam. Aos 22, mais uma troca no Palmeiras, William Bigode entrou no lugar de Lucas Lima. Mas aos 26 um lance contestável aconteceu. Boschilia cobrou falta direto para o gol, Weverton segurou bem em cima da linha, dúvida… o VAR entrou em ação, mas não deu o gol.

Aos 30, Coudet fez mais uma troca. Johnny saiu para a entrada de Matheus Jussa. Aos 34, o Palmeiras assustou. Rony cobrou falta, Gustavo Gómez cabeceou e a bola passou perto. Logo depois, Chacho trocou novamente, colocou D’Ale no lugar de Nonato. Mesmo sem muitas chances claras de gol, a sorte estava do lado Colorado!

Aos 42, Luan tentou afastar de primeira, mas a bola pegou em seu braço. O árbitro consultou o VAR e marcou! Quem também marcou foi o Inter! Thiago Galhardo marcou. Palmeiras 0, Inter 1. Mas a sorte durou pouco. Aos 48, Luiz Adriano, de cabeça, marcou. E a partida terminou assim e, mesmo com o empate, o colorado segue na liderança do Brasileirão.

 

 

 

Voltar Todas de Inter

Compartilhe esta notícia:

Confira o minuto a minuto de Palmeiras x Inter pela sétima rodada do Brasileirão
Novo reforço: Inter anuncia chegada do atacante Leandro Fernández
Deixe seu comentário