Artilheiro: o reencontro de Diego Souza com o Grêmio em 2020

Jogador igualou a marca de Everton Cebolinha em 2019, com 20 gols.

Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Autor de dois gols na vitória de 4 a 0 sobre o Vasco, Diego Souza tem afirmado a cada jogo sua artilharia no tricolor. Com 20 gols no ano, e 8 assistências, o centroavante está de contrato renovado com o Grêmio até o fim de 2021. A chegada de Diego no clube gaúcho, em 2020, veio de um reencontro após mais de 10 anos.

O ano era 2007 e Diego Souza aterrizava em Porto Alegre. Com 22 anos, vindo do Benfica, de Portugal, o jogador veio a se tornar um dos principais destaques da equipe gremista, que conquistaria o Campeonato Gaúcho de 2007 e o vice-campeonato da Copa Libertadores de 2007. Valorizado após a passagem, seu passe aumentou muito, e o jogador vestiu as cores do Palmeiras no ano seguinte.

13 anos depois, em 28 de janeiro de 2020, o jogador fechou seu contrato de retorno ao Tricolor. Assinado por 1 ano, Diego chegou sob desconfiança da torcida, mas com total confiança do técnico Renato Portaluppi. Em sua reestreia, contra a equipe do Esportivo, pelo Campeonato Gaúcho, Diego entrou no 2° tempo e fez de cabeça o quarto gol tricolor. No jogo seguinte, no dia 9 de fevereiro, contra o Aimoré também pelo Campeonato Gaúcho, marcou na derrota de 2 a 1.

No clássico Grenal seguinte, foi decisivo. Aproveitando um cruzamento de Everton Cebolinha, atualmente no Benfica, Diego marcou o único gol da partida. Campeão Gaúcho com o Grêmio, a cada jogo, Diego aumenta suas estatísticas. Como o Grêmio tem no mínimo mais 19 jogos no ano, contando as rodadas restantes do Brasileirão e os jogos de ida e volta dos mata-matas de Libertadores e Copa do Brasil, Diego Souza terá a chance se tornar o maior artilheiro do clube em uma temporada nos últimos anos. A marca pertence a Hernán Barcos, que fez 29 gols em 2014.

Contra o Vasco, Diego Souza marcou dois gols apostando na sua melhor maneira: na bola aérea. No fim do primeiro tempo, subiu entre dois defensores do rival para acertar uma cabeçada certeira. E no início do segundo, aproveitou cruzamento de Victor Ferraz e marcou em outra cabeceio de manual. Craque do jogo, a vitória com gols assinados pelo centroavante, levou o Grêmio para 4° posição do Campeonato Brasileiro, com 40 pontos.

”Primeiramente, eu dedico ao grupo, dependo muito deles. O time foi fantástico, jogamos uma grande partida. Fizemos o que temos de melhor, pressionar, ter a posse de bola, e fiz os gols que apareceram para mim. Estou muito feliz e espero ajudar sempre.”, disse, após a partida.

O próximo compromisso do Grêmio é na próxima quarta-feira (9), pela Copa Libertadores da América, contra o Santos. A partida está marcada para às 19h15 (de Brasília), na Arena.

 

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Grêmio

Compartilhe esta notícia:

Renato elogia atuação da equipe na vitória sobre o Vasco e já projeta partida pela Libertadores: ”Grande clássico do futebol brasileiro”
De goleada, Grêmio bate o Oriente e está na final do Gauchão Feminino
Deixe seu comentário