Apoio do grupo e referências em Arthur e M. Henrique: Darlan fala sobre nova oportunidade como titular


Por: Valeria Possamai,

*Valéria Possamai

Buscando conquistar seu espaço entre os profissionais, o volante Darlan terá primeira sequência de dois jogos como titular, neste domingo. Diante do Flamengo, na Arena, será o substituto de Matheus Henrique, que está com a Seleção Olímpica. E, em mais uma oportunidade de mostrar trabalho ao técnico Renato Portaluppi, o jogador comenta sobre sua preparação no grupo principal.

“Para a gente que vem da base são grandes oportunidades. Temos que aproveitar da melhor maneira. É um grande jogo. Tem que ter paciência que as coisas vem ao natural. Eu me vejo bem, crescendo aos poucos, mas isso passa também pelo apoio do grupo, que me deu o suporte, que é importante para que vem com a base”, declarou o jogador em entrevista coletiva.

O confronto de domingo na Arena marcar o primeiro reencontro entre os times após a queda vexatória do time gaúcho na Libertadores. Apesar da lembrança amarga, Darlan afirma que episódio são coisas do futebol: “Claro que foi uma derrota que doeu bastante para a gente e para o torcedor. Mas são coisas que acontecem no futebol, disse o volante, que também tem como inspiração um dos atletas do elenco do Fla: “É uma equipe muito forte, tem jogadores de Europa. Tem um cara que eu gosto bastante que é o Gerson. Os caras da mesma característica a gente busca ver e aprender.”

Aos 21 anos, o jovem também comentou sobre as comparações com o mesmo futebol de Arthur e Matheus Henrique: “São referências que eu tenho próximas, o Matheus, o Arthur. Fico feliz pelo reconhecimento, mas procuro fazer o meu trabalho, minha essência de jogo, que é a posse de bola.”

Leia mais: Destaque no fundamento de lançamentos, Paulo Miranda demonstra evolução após período de lesão

*estagiária sob supervisão de Marjana Vargas

Comentários

>