”A violência será retirada dos estádios quanto menos existir o anonimato”, declara Alexandre Limeira

Foto: Internacional/Divulgação
Foto: Internacional/Divulgação

O primeiro convidado do Grenal Futebol Clube de hoje foi o vice-presidente de administração do Internacional, Alexandre Limeira. O dirigente conversou com Alex Bagé sobre os principais desafios que existem na organização de um clássico como o GreNal.

”O que mais pesa é a chegada da torcida organizada do adversário. Os dois clubes possuem torcidas organizadas que tem uma movimentação diferente do torcedor comum. E nisso a Brigada Militar faz a saída através de ônibus, nesse clássico vai ter uma saída as 8:30hrs lá da Arena. (…) As organizadas são um ponto mais crítico e que tem dado mais trabalho para o MP e Brigada”, concluiu.

O dirigente também comentou sobre uma novidade que será empregada na entrada do estádio e que visará a diminuição da violência no clássico.

”A gente entende que a violência será retirada dos estádios quanto menos tiver o anonimato. Nós teremos em todos os ingressos da torcida adversária, impressos no ingresso no ato da compra, o nome e o RG da pessoa. E para entrar no Beira-Rio, terá uma conferência para ver se aquela pessoa que está portando o ingresso é realmente a pessoa do RG”, explicou Limeira.

Acompanhe a entrevista:

Voltar Todas de Brasileiro

Compartilhe esta notícia:

Presidente do Grêmio não vê vantagem tricolor e espera boa atuação da arbitragem
Em áudio vazado, Argel diz que ”vai passar o trator” no Grenal
Deixe seu comentário