Renato garante prioridade ao G-4 antes da renovação: “Pressa maior é classificar”


Por: Valéria Possamai,

Em meio aos questionamentos sobre o desempenho do time, a questão renovação vem sendo pauta nas recentes entrevistas de Renato Portaluppi. Após o empate contra o São Paulo no Morumbi, o treinador tratou de desmentir algumas especulações e afirmou que a prioridade é garantir a classificação do time no G-4.

“No momento, o mais importante é classificação direta para a Libertadores, não estou com pressa nenhuma em renovar o contrato. Na última conversa que tive com o presidente, o clube entregou a proposta. Vi, estudei com carinho, não entreguei a minha. Já estão comentando números nos jornais que eu pedi tanto. Eu respeito as opiniões, mas a pergunta que eu faço é como que alguém vai dar uma opinião sobre uma possível proposta se eu sequer entreguei a minha? Tudo isso é mentira. A pressa maior é classificar o Grêmio, não é a renovação do meu contrato. A gente passa, o clube fica”, afirmou o técnico do Grêmio.

Pela briga direta com o São Paulo pela quarta colocação, o resultado em 1 a 1  foi cotado como positivo pelo comandante gremista, que assegurou que o time vai terminar o torneio entre os seis primeiros times.

“Foi muito importante a gente conseguir se manter no G-4, e o São Paulo, não. Faltam quatro rodadas, vamos continuar no nosso objetivo de classificar o Grêmio para a Libertadores do ano que vem. Entre os seis eu garanto. Mas o objetivo é ficar entre os quatro. Está se encaminhando bem para que isso aconteça. Por tudo que aconteceu na partida foi bom para o Grêmio”, analisou Renato.

O grupo de jogadores volta a Porto Alegre no fim da manhã desta sexta-feira. Á tarde o time se reapresenta às 15h30 no CT Luiz Carvalho. No domingo, a equipe recebe a Chapecoense, na Arena. Uma vitória garante a classificação matemática para a Libertadores do próximo ano.

Foto:(Lucas Uebel/Grêmio FBPA)

Comentários