Polícia Civil investiga estudante que se passava por empresário de jogadores da dupla Gre-Nal


Por: Valéria Possamai,

Por meio de uma operação, a Polícia Civil do Rio Grande do Sul encontrou nesta quinta-feira, o estudante de Direito acusado de ser passar por empresário, para  negociar jogadores de Grêmio e Internacional. Durante o cumprimento de dois mandatos realizados bairros Passo D’Areia e Cavalhada em Porto Alegre, foram apreendidos uma série de documentos que visavam à articulação de venda de atletas.

De acordo com a investigação em conjunto com da Delegacia de Repressão aos crimes Informáticos do Departamento Estadual de Investigações Criminais, o investigado de 33 anos, se passava por agente de jogadores de futebol da dupla Grenal, tendo realizado tentativas de negociação de seus passes com clubes diversos do mundo. O falsário chegou a tentar uma negociação do atacante Luan, do Grêmio, com clube inglês Everton, e de Leandro Damião, do Inter com o clube saudita Al Wehda Soccer Club.

Com o homem, foram encontrados documentos bancários, da Justiça Estadual, da Receita Federal, da Confederação Brasileira de Futebol, do Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense, ainda, autorizações de negociação, entre outros.

Foto:(Divulgação/Polícia Civil)

A investigação teve início com a descoberta policial da existência de perfil falso no aplicativo What’sApp em que o investigado se passava por renomado empresário gaúcho do ramo do futebol, tendo, assim, sido descobertas as falcatruas que ele tentava praticar. Cumpridas as medidas judiciais, haverá o devido aprofundamento das apurações para determinação de valores recebidos e lesões que por ventura o estudante de Direito conseguiu efetivar.

O acusado foi conduzido até Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC) para prestar depoimento. A Polícia Civil chegou a pedir a prisão do investigado, mas o pedido foi negado pela Justiça do RS.

Foto:(Divulgação/Polícia Civil)

Comentários