“Não tem mais espaço para isso no futebol”: rebate Lindoso sobre declaração do técnico do Athletico-PR


Por: Valéria Possamai,

A semana decisiva de Copa do Brasil iniciou com ingredientes de final valendo título. Em entrevista coletiva, nesta segunda-feira, uma declaração do técnico do Athletico-PR, Tiago Nunes, foi repercutida junto ao volante do Inter Rodrigo Lindoso.

Após a derrota para o Avaí, o treinador do furacão falou sobre o sentimento de confiança do lado colorado, chegando a citar a “compra de chopp”, fazendo referência a comemoração do título. “É um momento especial do clube (Inter), o torcedor está confiante. Eu sei que o Rio Grande do Sul também está bastante confiante lá. O pessoal já falando em virada, título, já tem chopp comprado e um monte de coisa. A gente está alerta, somos uma equipe cascuda também não somos uma equipe fácil de ser batida.”

Nesta tarde, antes do treinamento do Inter, o volante Rodrigo Lindoso concedeu entrevista no CT Parque Gigante. Apesar de não ter conhecimento da declaração do treinador adversário, o jogador deu recado. Afirmando que não há mais espaços para essa espécie de motivação no futebol. “Creio que é uma forma irresponsável de falar e dar motivação aos seus jogadores. Isso não tem mais espaço no futebol.”

Durante o pronunciamento aos jornalistas, o volante colorado também projetou a decisão do título. Apesar do time gaúcho ter a desvantagem de ter perdido o primeiro jogo, o time não deve promover grandes alterações no seu estilo de jogo. “A gente recebe dados de jogos deles em casa e fora. Mas é uma decisão, você tem que esperar de tudo. Ali nos bastidores conversamos para estarmos prontos para todas situações. Se eu não me engano temos o melhor aproveitamento dentro de casa, 79%. Claro que queríamos um resultado melhor lá, um empate ou uma vitória. Mas gera uma expectativa, pela força dos dois times em casa.”

Às 15h30, o técnico Odair Hellmann deu sequência a preparação de treinamentos do time. A atividade ocorreu com portões fechados no estádio Beira-Rio. Os trabalhos seguem nesta terça-feria. Na quarta-feira, às 21h30, ocorre a decisão do título da Copa do Brasil.

 

 

 

 

 

Comentários

>