Medina irrita direção do Talleres por demora na resposta e Inter segue conversando com treinador

Cacique Medina acabou irritando a diretoria do Talleres por conta da sua demora no retorno se permanecerá ou não em 2022

Foto: Divulgação / Talleres

A casamata colorada segue sem uma indefinição. Cacique Medina, principal alvo do Inter, ainda não deu resposta ao Talleres, seu atual clube, e seu futuro segue uma incógnita. A atitude do técnico uruguaio irritoua a direção dos argentinos, que esperavam receber uma resposta da proposta de renovação até a última segunda-feira (20).

O presidente do Talleres, Andres Fassi, em um primeiro momento estava confiante com a permanência de Medina em Córdoba até 2023. Porém, a demora no retorno do técnico deixou os argentinos irritados, que informaram caso não recebessem uma resposta até essa quarta-feira (22), iria começar a analisar o mercado e ir atrás de um novo comandante. O clube já se prepara para uma recusa e sabe do interesse e conversas do profissional com o Inter.

Cacique Medina tem o interesse também do San Lorenzo, que quer contar com o treinador em 2022. Caso o colorado não feche com o uruguaio, o clube gaúcho tem uma segunda carta na manga que seria Eduardo Domínguez. A imprensa argentina noticia que o comandante já se desligou do Colón.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Inter

Compartilhe esta notícia:

Bruno Cortez revela tristeza por não renovar, mas ressalta passagem pelo Grêmio: ”Só tenho que agradecer”
Grêmio atrasa direito de imagens dos jogadores no mês de dezembro
Deixe seu comentário