Incidentes entre Juventude e Inter serão julgados nesta quarta-feira no TJDRS


Por: Valéria Possamai,

Está marcado para esta quarta-feira (20/02), o julgamento das confusões que ocorrerão na partida entre Juventude e Inter, no dia 10 de fevereiro, no estádio Alfredo Jaconi. Denunciados pela Procuradoria do Tribunal de Justiça Desportiva (TJD-RS), os jogadores Nico López, do Inter e, Victor Salinas, do Juventude, além do técnico Luiz Carlos Winck e seu auxiliar técnico, serão julgados pela 1° Comissão Disciplinar, em sessão a ser realizada a partir das 17h.

Os dois jogadores expulsos no episódio, Nico López, pelo lado do Inter e, Victor Salinas, pelo Juventude, foram denunciados no Artigo 254-A, inciso I, do o Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), por agressão física. A pena pode chegar até 12 jogos de suspensão.

O técnico Luiz Carlos Winck e seu auxiliar, José Carlos Marquês da Silva, também expulsos e apontados como causadores da confusão, conforme a súmula da partida, foram denunciados no Artigo 258 do CBJD, por atitudes antidesportivas. Ambos podem pegar de um a seis jogos.

Juventude e Inter também foram citados na denúncia do tumulto, por não ter sido possível haver a identificação de todos os envolvidos. Os dois clubes foram enquadrados no Artigo 257 do CBJD e pode receber como pena, multa de até R$ 20 mil.

Foto:(Ana Aguiar/Rádio Grenal)

Comentários

>