Grêmio pode perder executivo de futebol para 2019


Por: Valéria Possamai,

André Zanotta, executivo de futebol do Grêmio, pode estar de saída. Por conta de questões particulares, o dirigente deve encerrar a atuação no clube gaúcho ainda neste ano.

Conforme informações apuradas pela reportagem da rádio Grenal, o dirigente já trabalha em uma espécie de transição do cargo.

Zanotta atua no tricolor desde março de 2017, tendo atuado na busca de negócios para Luan e também teve participação principal nas negociações pela transferência de Arthur com o Barcelona.

Em entrevista à Rádio Grenal nesta quinta-feira, Carlos Amodeo, do CEO do Clube, afirmou que ainda não há a confirmação de saída do executivo: “Não existe uma definição sobre a saída dele. Ele tem problemas de foro intimo e esperamos que ele possa permanecer no clube.”

Além da possível perca de André Zanotta, o clube já conta com a saída de Lucas Oliveira, coordenador do CDD (Centro Digital de Dados). O analista de despenho passará a atuar em Razgard, na Bulgária.

Com a baixa, o setor de análise que já conta com o trabalho de Antonio Cruz e Rafael Tavares deve receber o reforço de um nome das categorias de base.

Foto: (Lucas Uebel/Grêmio FBPA)

 

Comentários

>