Grêmio perde e fica fora do G4


Por: Kalleb França, jornalista, radialista e repórter na @rdgrenal

O fraco desempenho dos jogadores do Grêmio resultaram em uma derrota por 2×1,  para o time do Flamengo, em Brasília na manhã de hoje (21). A equipe carioca abriu o placar com Leandro Damião de pênalti no primeiro tempo, na segunda etapa o estreante Diego fez o segundo e Henrique Almeida descontou. Com a derrota o Grêmio perde posições e sai do G4 e figura na 5ª colocação com 35 pontos, o Rubro-Negro, com a vitória foi aos 37 pontos e alcançou a 3ª posição, e o Galo que venceu o Altético-PR, somou 38 e é o 2º colocado. Na próxima rodada, após o jogo contra o Atlético-PR no meio de semana, o Grêmio recebe o Galo na Arena às 16h.

 

Primeiro tempo

Desencontrado e perdido na marcação, foi esse o Grêmio que se viu no primeiro tempo de partida contra o Flamengo em Brasília. Sem conseguir finalizar nos primeiros 20′ de jogo, o tricolor foi refém do toque de bola e da velocidade rubro-negra que, com a bola no chão chegou pelo lado direito aos 11′ com Pará, que levantou a cabeça e viu Marcelo Grohe levemente adiantado, a bola tocou o travessão do time gaúcho.  Essa, foi só uma demonstração do que estaria por vir, o flamengo pressionou o Grêmio. Em mais uma jogada pelo lado direito, a bola chegou em Leandro Damião, o atacante inclinou o corpo e de voleio obrigou Marcelo Grohe a fazer uma grande defesa.

O Flamengo seguiu pressionando e em mai jogada pelo lado direito, a bola cruzada na direção de Leandro Damião, o jogador chutou e Pedro Geromel estendeu a mão na bola e o árbitro marcou pênalti. Leandro Damião tirou Grohe da jogada e colocou pra dentro do gol, 1×0 para os cariocas. Que se mantiveram no campo de ataque até o final do primeiro tempo de partida.  a atuação na primeira etapa do tricolor foi apavorante, os desfalques de Jaílson e Edílson mudaram muito a equipe tecnicamente e, Roger precisava mudar o time para encostar no segundo tempo.

 

Segundo Tempo

Para o segundo tempo , Roger promoveu uma mudança necessária logo no vestiário, Wallace Oliveira saiu para dar lugar ao garoto Lincoln, com essa mudança Ramiro passou a ocupar a lateral direita. Aparentemente mais disposto e melhor organizado o Grêmio foi bem até os primeiros 10′ de etapa complementar. O técnico Luiz Ricardo, percebeu que a mudança povoou o meio de campo com jogadores tricolores que passaram a tocar melhor a bola e chegar com perigo e promoveu mudanças. Leandro Damião deu lugar para Felipe Vizeu, outro que entrou na partida foi Alan Patrick no lugar de Gabriel.

As modificações surtiram efeito e o Rubro -Negro passou a cominar o meio de campo novamente, mas em uma jogada rápida pelo meio, Douglas encontrou o atacante equatoriano Bolaños, que saiu na cara do gol de Muralha. O jogador dominou e na hora da finalização o lateral direito pará já estava na cobertura e afastou para escanteio. Depois desta falha, Roger sacou Bolaños e colocou Henrique Almeida.

Depois disso, em uma tentativa de sair com velocidade para o ataque, Everton tropeçou na bola de Diego ficou com ela para puxar o contra-ataque, o estreante abriu na esquerda, mesmo com o Grêmio se fechando rapidamente, o time carioca girou a bola até chegar em Pará do lado direito, o jogador cruzou e encontro Diego ente Everton e Ramiro, sem sair do chão, Diego muito bem posicionado, tirou do alcance de Marcelo Grohe e marcou o segundo gol do Flamengo.

Logo após o gol sofrido, o grêmio encontrou uma jogada rápida pelo meio. A bola abriu pelo lado direito e, em um cruzamento a bola pipocou entre a zaga carioca e Henrique Almeida tocou e tirou de Alex Muralha. O placar anotava 2×1, o Grêmio tentou porém não teve forças para empatar o jogo que se encaminhou até os 49′ quando o árbitro Raphael Claus apontou o centro de campo e finalizou o jogo.

 

 

Comentários