Grêmio empata com o Vitória e pode perder colocação no G-4


Por: Valéria Possamai,

Em partida disputada no Barradão, Vitória e Grêmio ficaram no 0 a 0, neste domingo. Com o resultado, a equipe gaúcha chega aos 63 pontos, se mantendo no G-4, mas a equipe ainda depende do resultado do São Paulo, que ainda joga na rodada, nesta segunda-feira contra o Sport, no Morumbi.

O Vitória por sua vez, pode ser rebaixado já nesta rodada.

O tricolor gaúcho volta a campo no próximo domingo, às 17h, na Arena, na última rodada do Campeonato Brasileiro de 2018.

Primeiro tempo

O Grêmio entrou em campo buscando manter a vantagem sobre o São Paulo, garantindo a permanência no G-4 da competição. Os mandantes, por sua vez, buscavam os três pontos para ainda tentar se salvar do rebaixamento.

O time gaúcho tentava manter a posse de bola, mas não conseguia chegar a conclusão. Até que aos 12’, Everton recebeu dentro da área e caiu, o atacante reclamou, mas o árbitro mandou o jogo seguir. Na sequência do lance, novamente com Cebolinha, o goleiro João Gabriel fez grande defesa na conclusão do atacante.

Aos 13’, o tricolor ainda teve uma bola na trave. Na cobrança de escanteio de Jean Pyerre, Cícero fez o desviou e a bola vai no pé do travessão.

O Grêmio seguia tendo as melhores chances. Aos 20’, Jean Pyerre achou André dentro da área. O centroavante fez o cruzamento da esquerda, mas nenhum jogador chegou para o desvio e a bola se perdeu em linha de fundo.

Aos 23’, o time gaúcho voltou a reclamar de um pênalti. Ramiro recebeu lançamento de Michel dentro da área, e caiu na hora da conclusão, mas o árbitro nada assinalou. Na sequência do lance, o Vitória tentou o contra-ataque, mas a conclusão de Lucas Fernandes saiu muito longe da meta do goleiro Paulo Victor.

Aos 27’, Jean Pyerre arriscou o chute de fora da área. O chute rasteiro saiu à esquerda do arqueiro do Vitória.

Aos 31’, o time da casa teve a primeira grande chance. Lucas Fernandes arrancou pela direita e encontrou Léo Ceará dentro da área. O atacante arriscou o chute, mas a bola saiu sobre a meta gremista.

Aos 38’, Renato Portaluppi fez a primeira modificação na equipe. Michel deixou o campo para o ingresso de Alisson.

Já aos 40’, Léo Moura teve a chance. Em jogada da esquerda, o lateral driblou a marcação e arriscou a finalização, mas a bola explodiu na defesa.

O Vitória ainda teve uma última chance já nos acréscimos, mas o chute de fora da área de Lucas Fernandes saiu longe da meta.

Aos 46’, a partida foi encerrada em 0 a 0, no Barradão.

Segundo tempo

Na retomada das equipes, o Vitória fez modificações. Bruno Bispo entrou na vaga de Lucas Ribeiro.

A equipe baiana começou a segunda etapa levando perigo. No primeiro minuto de partida, Léo Gomes arriscou da meia esquerda. A bola ainda desviou em Ramiro, mas saiu sobre o gol de Paulo Victor. O Grêmio respondeu no chute de Jean Pyerre, mas João Gabriel fez a defesa.

Aos 11’, o goleiro do Vitória brilhou em duas oportunidades e evitou o gol do Grêmio. Na primeira jogada, Everton lançou Alisson na cara de João Gabriel, que salvou a finalização do atacante gremista. No segundo lance, também na assistência de Everton, André dividiu bola com os zagueiro na pequena área, mas o goleiro novamente faz a defesa e evita o gol do Grêmio.

Dois minutos depois foi a vez de Cícero. Everton entrou no ataque à dribles pela esquerda e arriscou. Mais uma vez, o arqueiro da equipe baiana impediu o gol.

Aos 12’, ambos os treinadores fizeram modificações em seus times. No Vitória, Léo Gomes saiu para a entrada de Yago; No Grêmio, André deixou o campo para o ingresso de Jael.

Aos 18’, o time da casa teve oportunidade em cobrança de falta, Iago fez o levantamento de Iago, Aderlan conseguiu o desvio, mas a bola saiu por cima do gol.

No minuto seguinte, foi a vez de Paulo Victor fazer milagre. Em contra-ataque rápido, Léo Ceará recebeu dentro da área, girou em cima de Geromel e finalizou. Mas Paulo Victor espalmou o chute para impedir o primeiro gol do jogo.

Aos 25’, o treinador gremista realizou a última substituição na equipe. Jean Pyerre foi substituído por Tonny Anderson.

Aos 26’, foi a vez de Pedro Geromel apareceu no ataque. No cruzamento da esquerda, a bola sobrou o zagueiro que finalizou, mas o goleiro João Gabriel, mas uma vez fez a defesa,em dois tempos.

A resposta do Vitória veio no lance seguinte. Luan driblou Jael e arrancou pela esquerda. Na assistência encontrou Lucas Fernandes, que dentro da área e bateu cruzado, no ângulo. Mas Paulo Victor, com pontas do dedos, espalmou a bola para fora.

Em ritmo toma lá, dá cá, aos 31’, Jael deixou Thonny Anderson livre na frente do gol. O atacante, no entanto, demorou para concluir e no chute, a bola saiu para fora.

Aos 37’, novamente, Geromel teve a chance de marcar. Na cobrança de escanteio, Jael teve a primeira chance, mas não conseguiu a conclusão. A bola sobrou para o zagueiro, que bateu de chapa, mas a finalização saiu ao lado da trave esquerda.

Aos 43’, Lucas Fernandes driblou três marcadores e finalizou, mas o chute saiu por cima do gol de Paulo Victor.

Já nos acréscimos, o Grêmio ainda tentou com Léo Moura dentro da área. O lateral bateu forte, mas para no goleiro João Gabriel. No lance seguinte, Everton acertou a trave.

Já no último lance de partida, Paulo Victor ainda defendeu o chute de Rhayner. A partida foi encerrada aos 49′, com 0 a 0 no Barradão.

Foto: (Lucas Uebel/Grêmio FBPA)

Comentários