Foco na Copa do Brasil e planejamento para nova temporada: O Grêmio de 2021

Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Mesmo com o foco totalmente voltados para as finais da Copa do Brasil, nos dias 28 de fevereiro e 7 de março, o Grêmio também tem de pensar na temporada 2021 que tem seu início imediatamente depois das decisões. Para isso, são chegadas e saídas que a direção gremista tem de trabalhar para a manutenção do elenco tricolor.

PERMANCE OU NÃO?

O primeiro assunto – talvez o mais importante – que Romildo precisa resolver para a próxima temporada, é a permanência de Renato Portaluppi como treinador do Grêmio, ou não. Ao que parece, apurado pela equipe de reportagem da Rádio Grenal, ambos tem como prioridade a renovação por mais um ano. Entretanto ao mesmo tempo que o treinador negocia com a direção gremista, conversa também com os mineiros do Atlético-MG.

Sobre jogadores, o volante Michel, que estava emprestado ao Fortaleza, neste momento treina no CT Luiz Carvalho, e espera iniciar suas conversas com a direção gremista. Já, o meia Lima, emprestado ao Ceará, teve o interesse da permanência para continuar no clube cearense e espera negociar com o Grêmio. O último que ainda não tem seu futuro definido é o volante Machado, atualmente no Cruzeiro, deve continuar fazendo parte do elenco mineiro para a disputa da Série B.

SAINDO

Para a próxima temporada, três nomes não farão mais parte dos planos gremistas. Começando por Pepê, que permanece no tricolor até o final de junho e depois se apresentará no Porto, negociação já oficializada por ambos os clubes. Robinho é outro nome que não vestirá a camisa tricolor após fazer chegar em meados de 2020 e não agradar com seu desempenho em campo. O jogador já acertou sua ida ao Coritiba. O último do grupo principal é Julio Cesar, que fez sua despedida em campo ontem na derrota contra o Bragantino e não renovará seu vínculo.

Já em relação aos jogadores da base, Kaio que estava emprestado ao Paraná não teve seu contrato renovado e agora procura outro clube. Frizzo, que atuou em 2020/21 pelo Vitória, foi cedido ao Botafogo e tem contrato com o Grêmio até dezembro de 2022.

ELES FICAM

Começando por Luiz Fernando, o jogador emprestado pelo Botafogo deve renovar seu vinculo com o tricolor para atuar pelo Grêmio na temporada 2021. O capitão Geromel já havia renovado e ampliado seu contrato em dezembro até o final de 2022. Por último, Bruno Cortez também deve continuar no elenco gremista. Há o interesse de ambas as partes, e irão retomar as conversas após as finais da Copa do Brasil.

RETORNANDO

Léo Chú, de 20 anos, que estava emprestado ao Ceará, retorna ao Grêmio. O atacante que teve uma temporada de destaque no nordeste deve ser utilizado como opção para o lugar de Pepê.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Grêmio

Compartilhe esta notícia:

“Nós vamos muito mais fortes para a final da Copa do Brasil”, ressalta Alexandre Mendes
Marcelo Lomba pode estar dando adeus ao Inter rumo a América do Norte
Deixe seu comentário