Ex-jogadores da dupla Grenal estavam na tragédia com o voo da Chapecoense


Por: Jonata, jornalista, radialista e repórter na @rdgrenal.

O acidente com o time e comissão técnica da Chapecoense, além de jornalistas foi o pior da história envolvendo um clube de futebol. Do mundo todo, equipes se sensibilizaram com a tragédia e mandaram mensagens de apoio aos familiares e torcedores.  Em Porto Alegre, Grêmio e Inter demonstraram solidariedade ao time catarinense e divulgaram notas oficiais expressando sentimentos

Dentre as vítimas da tragédia, muitos jogadores tinham história e já haviam jogado na dupla Gre-Nal. No Grêmio, tiveram passagem Matheus Biteco, Dener e William Thiego, todos eles vitimados pelo acidente. O preparador físico Anderson Paixão, filho de Paulo Paixão, também foi funcionário do tricolor. Mário Sérgio Pontes de Paiva, ex-jogador de Inter e Grêmio, que viajava como comentarista da FOX Sports, é outro entre as vítimas. O técnico Caio Jr trabalhou no clube em 2012.

Entre os jogadores da Chapecoense, as autoridades confirmam que sobreviveram Alan Ruschel, Folmann e Neto. 

Veja a nota oficial do Internacional:

“O Sport Club Internacional, sua diretoria, colaboradores e torcedores, vem por meio desta manifestar seu profundo pesar pelo trágico acidente que vitimou a delegação da Chapecoense, dezenas de jornalistas e tripulantes.

Nossa solidariedade às vítimas e suas famílias. Entre elas, profissionais de grandes serviços prestados ao Internacional, como Mario Sérgio, técnico vice-campeão brasileiro em 2009 e campeão brasileiro invicto em 1979; Josimar, atleta formado pelo clube e profissional entre 2007 e 2014; Anderson Paixão, auxiliar de preparação física do clube entre 2003 e 2006; Filipe Machado, atleta das categorias de base entre 2002 e 2006.

Nossas condolências ao Paulo Paixão e nossas orações pela recuperação de Alan Ruschel, que foi atleta de nosso clube e é um dos sobreviventes.

Que Deus abençoe a todos”.

Veja a nota oficial do Grêmio:

“Neste momento de consternação com o acidente trágico ocorrido na Colômbia, o Grêmio Foot-Ball Porto Alegrense manifesta seu profundo pesar e solidariedade à Associação Chapecoense de Futebol, aos familiares das vítimas e aos colegas da imprensa pelo lamentável episódio.
O Clube lembrará com carinho dos atletas Matheus Biteco, William Thiego e Dener, que iniciaram suas carreiras em nossas categorias de base, além do técnico Caio Júnior, do preparador físico Anderson Paixão e do comentarista dos canais Fox Sports Mário Sérgio Pontes de Paiva, campeão do mundo defendendo nossas cores.
Aos sobreviventes, desejamos muita força e pronta recuperação, e que todos recebam as nossas orações neste momento delicado para toda a comunidade esportiva”.

Comentários