Emocionado, Jael faz sua despedida do Grêmio


Por: Valéria Possamai,

A sexta-feira no Grêmio esteve marcada pela despedida de Jael. O centroavante, que teve a saída oficializada pelo clube no início da manhã, fez um pronunciamento à imprensa antes de deixar as dependências do CT Luiz Carvalho. O jogador está se transferindo para o FC Tokyo, do Japão.

Acompanhado pelo hábito tradicional dos Gaúchos, o chimarrão, o jogador concedeu entrevista coletiva muito emocionado. Ao relembrar os momentos em sua passagem pela equipe, as lágrimas emaranhavam a voz de Cruel, como ficou conhecido no tricolor:

“Até um certo ponto eu era muito contestado. No final de 2017 surgiu um oportunidade muito vantajosa. Mas, eu falei para minha esposa que eu tinha de mudar minha imagem no Grêmio, e foi o que eu fiz. Treinei e trabalhei muito. Eu agradeço imensamente ao Renato. Desde 2010 ele quer me trazer para o Grêmio. Pode ter certeza que eu vou estar na torcida sempre. Do porteiro até o presidente se criou um respeito. Tomara que dê tudo certo esse ano” , declarou o jogador que está se transferindo para o futebol japonês.

Em meio aos  67 jogos, 14 gols e 14 assistências, Jael destacou um momento em especial. “O momento mais marcante foi quando entrei contra o Barcelona-EQU. Eu entrei vaiado, e no primeiro lance eu driblei o zagueiro. A partir daí a torcida me olhou de maneira diferente. Entrei vaiado e sai ovacionado daquela partida”, relembrou.

Jael chegou ao Grêmio em janeiro de 2017. Entre seus títulos pelo Grêmio estão o Campeonato Gaúcho 2018, a Recopa Sul-Americana 2018, a Libertadores da América 2017 e, por fim, a Recopa Gaúcha neste ano.

Comentários