Em busca da primeira conquista no comando do Inter, Odair ressalta confiança no grupo para a disputa do Grenal


Por: Valéria Possamai,

Em meio a disputa de mais uma decisão pelo Gauchão, o Inter pode reservar uma conquista, em especial, para o seu técnico. No comando do clube desde o final de 2017, Odair Hellmann pode levar a equipe ao título pela primeira vez. Para isso, o comandante ressalta a confiança no grupo, que neste domingo enfrenta o Grêmio, pelo jogo de ida da finais do estadual.

“Expectativa boa de todos. Confiança no trabalho que a gente vem fazendo e confiança total para estes dois jogos decisivos. Titulo é muito importante. Nós, profissionais do futebol, trabalhamos para isso. Acordamos todos os dias para chegar aqui, trabalhar e viver esse momento. Sabemos que tem um adversário, precisamos ser mais competentes que ele nos dois jogos para conquistar este objetivo. Vai ser uma grande final, bastante difícil”, destacou o técnico em coletiva nesta sexta-feira.

Como de praxe, o mistério na escalação faz parte da mística do clássico. Antes da entrevista nesta manhã, Odair fez trabalho com portões fechados no Beira-Rio, mantendo indefinição sobre quem será o titular na ponta direita, vaga disputada entre D’Alessandro e Pottker, além da presença de Rodrigo Dourado, que sofreu uma entorse no joelho esquerdo. “A gente sempre trabalha outras opções, outras variações, usa treino para isso. Quando a gente faz esse tipo de trabalho (com portões fechados) é justamente para trabalhar estas situações, variações táticas.” 

Ainda durante a entrevista, o técnico colorado ressaltou a importância dos torcedores no trabalho do time. Mais uma vez, a expectativa é de quebra de recorde de público no Beira-Rio pelos colorados, que nesta sexta-feira esgotaram os ingressos.

“O torcedor é sempre parte principal desse processo. Agradecemos pela presença dos torcedores, ficamos felizes com a presença deles como vendo sendo nos últimos jogos. Certamente isso traz alegria e confiança para todos nós. É uma conjunção de fatores, torcida, time e ambiente”, destacou Odair Hellmann.

Com relação ao Grêmio, o técnico colorado frisou que o time precisará estar atento e concentrado, mas descartou que fará uma marcação “especial” quanto a Everton, principal destaque na equipe gremista.  “O Everton é um grande jogador, ele não cria apenas dificuldades para o Zeca, mas para todos os laterais do futebol brasileiro. Mas ele também vai enfrentar um jogador que estará concentrado. Temos confiança no coletivo e no jogador que vai estar no setor, que vai fazer seu melhor. O que precisamos estar atentos é para enfrentar o Grêmio, não só o Everton, que é uma parte importante da engrenagem, mas que até chegar a bola nele passa por muita gente.”

Inter e Grêmio iniciam a decisão pela taça do Campeonato Gaúcho neste domingo, às 16h, no Beira-Rio. A partida de volta está marcada para a próxima quarta-feira, às 21h30, na Arena.

 

 

Comentários

>