“Ele tem outros olhos quanto ao meu perfil de jogador”, destaca Pottker sobre trabalho com Coudet

Foto: Ricardo Duarte/Internacional

Após o primeiro dia de treinamentos coletivos no CT Parque Gigante, o atacante colorado Willian Pottker falou sobre sua adaptação ao estilo de jogo de Eduardo Coudet e sobre seu momento na carreira.

“Estou bem fisicamente. A comissão técnica tem confiança no meu trabalho porque eles estão acompanhando a minha dedicação, estão acompanhando o meu crescimento junto com o grupo, e eu também estou me dedicando o máximo possível, esse é o segredo”, destacou Pottker.

Depois de um longo período sem jogar por conta de uma lesão na coxa esquerda, sofrida no fim do ano passado, e após uma recuperação gradualo jogador tem sido alvo de elogios pelo rendimento nos treinos neste período sem jogos.

“Hoje graças a deus ele (Coudet) está me vendo 100% fisicamente, 100% tecnicamente. Então ele tem outros olhos quanto ao meu perfil de jogador. Isso pra mim é muito importante. Só tenho que agradecer a ele por estar me dando essa oportunidade”.

E pelo lado do jogador também é só elogios. Pottker destacou que está se adaptando ao trabalho do professor e que se sente a vontade com o esquema de jogo argentino, implementado no início da temporada. O esquema com dois atacantes pode ser um oportunidade para Pottker, após a saída de Gustavo que foi para o futebol sul-coreano.

“Ele tem esse estilo de jogo que hoje no Brasil poucos clubes usam. A gente teve esse período de adaptação e entendemos bem a filosofia de trabalho dele. Eu sou um jogador que não sou muito de referência, gosto de flutuar, fazer bastante movimentação em diagonal, me encaixo bem nessa função de dois pontas, fazendo o atacante de infiltração. Então ele vem acompanhando minha filosofia de trabalho e tem tudo pra dar certo até o fim da temporada”.

Em 2020, Pottker disputou dois jogos, contra Caxias, iniciando como titular, e contra o São José, saindo do banco de reservas. Nenhum gol marcado. Mas a moral com o treinador também influência na sua situação no clube, que a pedido do próprio Coudet já trabalha para ampliar seu contrato. O atual vínculo se estende até maio de 2021.

 

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Inter

Compartilhe esta notícia:

Inter monitora jovem promessa de 16 anos, do Mirassol-SP
Inter promove mais três garotos da base para a equipe principal
Deixe seu comentário