Com gol nos acréscimos, Grêmio perde para o São Paulo no Morumbi pelo Brasileirão por 2 a 1

Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Na noite deste sábado (14), no Estádio do Morumbi, o Grêmio sofreu um duro golpe ao tomar o gol da derrota aos 48 minutos do segundo tempo contra o São Paulo e perdeu a oitava vez pelo Campeonato Brasileiro. A equipe paulista conseguiu um placar de 2 x 1 contra o Tricolor, quebrando um tabu que durava seis jogos sem vencer o Imortal em sua casa. O resultado da partida válida pela 16ª rodada da competição jogou um balde de água fria sobre a ambição da equipe gaúcha de subir na tabela saindo da penúltima colocação, onde estaciona com 10 pontos ganhos.

O tricolor paulista vem de uma sequência boa entre todas as competições que disputa. Desde que sofreu uma goleada do Flamengo na 15ª rodada do Campeonato Brasileiro, a equipe não perdeu. Foram seis partidas disputadas desde então, com quatro vitórias e dois empates. O São Paulo ocupa temporariamente o 14° lugar na tabela de classificação com 18 pontos.

O Grêmio chegou para o confronto de sábado depois de bater a Chapecoense em casa pelo placar de 2 x 1. É o fim da boa sequência do tricolor gaúcho desde a chegada de Felipão, com três vitórias (duas contra o Vitória pela Copa do Brasil e uma contra a Chapecoense) e um empate (contra o América-MG pelo Brasileirão).

De um lado, o técnico Hernán Crespo mandou um time praticamente reserva a campo já pensando no clássico de terça-feira contra o Palmeiras, que define vaga nas semifinais da Libertadores. Do outro, Luiz Felipe Scolari foi a campo com o que tinha de melhor, mas não saiu vitorioso. Antes do gol devastador de Igor Gomes, Vitor Bueno abriu vantagem para o São Paulo, e Vanderson empatou ainda no primeiro tempo – ambos em cobranças de falta.

Jogo

O primeiro tempo foi de chances para os dois times. O São Paulo começou pressionando, mas depois deu espaço para o Grêmio criar oportunidades até empatar — tanto de um lado, com Vitor Bueno, quanto do outro, com Vanderson, dois belos gols de falta. Com o 1 a 1, o clube paulista voltou a pressionar, criar boas jogadas e chegar à área adversária, mas falhou na pontaria. O Imortal apostou em jogadas pelo meio, com Alisson, mas também não chegou perto do gol de Tiago Volpi.

Precisando vencer, o São Paulo mandou alguns titulares a campo gradativamente: Liziero, Rigoni e Gabriel Sara entraram e complicaram a tática gremista. O argentino perdeu grande chance ao receber passe de Vitor Bueno e chutar cruzado, perto da trave direita do Grêmio. Felipão tentou desamarrar o jogo muito tarde, já na reta final, com Luiz Fernando e Léo Pereira. No fim, a persistência do São Paulo quebrou o Grêmio com uma bela assistência de Rigoni para Igor Gomes marcar o gol da vitória.

O próximo compromisso do Imortal Tricolor é contra o Cuiabá na quarta-feira, às 19h, na Arena Pantanal, em jogo atrasado pela quinta rodada do Brasileirão.

Ficha técnica

Grêmio — Chapecó; Vanderson, Ruan, Geromel e Cortez; Lucas Silva, Thiago Santos e Jean Pyerre (Darlan); Douglas Costa (Luiz Fernando), Alisson (Diogo Barbosa) e Borja (Léo Pereira). Técnico: Felipão.

São Paulo — Tiago Volpi; Bruno Alves, Miranda e Diego Costa; Igor Vinícius, Luan (Liziero), Talles (Gabriel Sara), Igor Gomes e Reinaldo; Galeano (Rigoni) e Vitor Bueno (Joao Rojas). Técnico: Hernán Crespo.

* Por supervisão de: Marjana Vargas

Voltar Todas de Grêmio

Compartilhe esta notícia:

Grêmio x São Paulo: Escalações, momentos, arbitragem e transmissão
Felipão lamenta gol nos acréscimos e faz cobrança: “Precisamos jogar diferente”
Deixe seu comentário