Com gol de Edenílson, Inter vence o clássico Gre-Nal e retoma a liderança do Brasileirão


Por: Valéria Possamai,

No último clássico do ano, o Inter saiu com a vitória. O colorado venceu o Grêmio, pelo placar de 1 a 0, com gol de Edenilson. Com o triunfo no estádio Beira-Rio, o time volta a ponta de cima da tabela de classificação. Com 49 pontos, a equipe lidera o Campeonato Brasileiro.

Com a derrota, o Grêmio estaciona nos 41 pontos e ocupa a quinta colocação no torneio nacional.

Saiba como ficou a tabela de classificação

Primeiro tempo

Com toda a mística que envolve mais de 109 anos de clássico Gre-Nal, os minutos iniciais de partida iniciou com falta. Aos 20 segundos de jogo, Alisson foi derrubado quando o Grêmio tentava o primeiro ataque. Na cobrança de Luan, a bola foi para a linha de fundo.

O Inter apareceu no ataque pela primeira vez com Nico. O uruguaio avançou e fez o cruzamento da esquerda. A bola acabou saindo forte e Pottker teve que recuperá-la na direita. A primeira conclusão colorada veio em seguida. Edenilson recebeu lançamento na área de Patrick, mas no cabeceio, a bola saiu para fora.

A primeira chance do Grêmio veio aos 12’. Alisson encontrou Léo Moura, que rola bola para Luan. O atacante chuta, a bola desvia e sai em linha de fundo. A equipe visitante ainda teve a chance com Ramiro. Da intermediária, o camisa 17 arriscou, mas a bola saiu em linha de fundo.

Aos 17’, O Inter teve a chance em lance de falta em Nico López, pelo lado esquerdo. O próprio camisa 7 fez a cobrança, mas no levamento dentro da área nenhum jogador chegou e a bola saiu em linha de fundo.

Passando da metade da primeira etapa, o cenário da partida era de muito toque de bola. Ainda sem uma chance clara de gol, as duas equipes tinham as melhores oportunidades em lances de bola parada e chutes de fora da área.

Ramiro arriscou o chute de fora da área, mas a bola saiu à esquerda da meta do goleiro colorado. Em seguida, Alisson também arriscou o chute de fora da área, mas o goleiro Lomba apenas acompanhou o lance.

Aos 28’, Moledo concluiu na área, após a cobrança de escanteio. Mas o cabeceio saiu por cima da meta do goleiro Grohe. Aos 39’, o Grêmio chegou ao ataque após troca passes. Léo Moura recebeu bola na esquerda e cruzou, mas o árbitro já havia marcado falta de ataque dentro da área.

Chegando ao fim da primeira etapa, o Inter ainda chegou ao ataque gremista em jogada de Patrick. O atacante passou para Nico, que cruzou da esquerda para Jonatan Álvez, mas Cortez se antecipou ao lance e impediu a finalização do centroavante.

Aos 47’ a partida foi encerrada com 0 a 0 no placar.

Segundo tempo

O primeiro lance da segunda etapa começou com cartões amarelos. Ramiro e Cuesta que protagonizaram uma discussão ao final do primeiro tempo, foram chamados antes do apito inicial e levaram amarelo. A punição também se estendeu ao banco de reservas, o jogador Rossi também foi advertido com o cartão.

O primeiro chute da etapa final foi  do Grêmio. Aos 3’, Cícero, da entrada da área, arriscou a bomba, mas a bola não levou perigo ao goleiro colorado.

Aos 12’ o Inter chegou no chute Pottker. O atacante recebeu passe da entrada da área e arriscou o chute, mas a finalização saiu à esquerda da meta do goleiro gremista.

Aos 14’ Edenilson subiu livre dentro da área e abriu o marcador. No cruzamento de Uendel vindo da esquerda, o camisa 8 apareceu de peixinho e concluiu para as redes. 1 a 0 Inter no placar.

A resposta do Grêmio foi imediata  e gol de empate não saiu por conta da intervenção de Marcelo Lomba. No primeiro lance, Alisson cruzou para André. Uendel se antecipou e cabeceia no centroavante gremista, que obrigou o goleiro colorado a fazer grande defesa. No lance seguinte, Geromel recebeu dentro da área e fuzilou, mas Lomba fez a defesa que salvou o gol de empate.

Após o gol, os dois técnico promoveram alterações nas equipes. O técnico Renato colou Pepê na vaga de Thaciano; Odair Hellmann trocou Jonatan Álvez por Leandro Damião.

Aos 27’ o Inter teve a chance de ampliar o marcador.  Após cobrança de escanteio, Leandro Damião concluiu de cabeça e o goleiro Grohe espalmou a bola, salvando o tricolor do segundo gol.

No lance seguinte, Renato promoveu a entrada de Jean Pierry no lugar de Luan.

Aos 30’, Jean Pierry teve sua primeira conclusão. De fora da área, o atacante arriscou o chute e Marcelo Lomba caiu para fazer a defesa no canto esquerdo.

Aos 32’, o lateral Uendel deixou campo, para a entrada de Fabiano.

Aos 34’, novamente com o garoto Jean Perry, o Grêmio chegou no ataque com toque de bola. Na sobra, o jogador apareceu para fazer a conclusão, mas o jogo já havia sido paralisado, por conta de falta de André no ataque.

No lance seguinte, o técnico gremista promoveu a última substituição na equipe. André saiu para a entrada de Tonny Anderson.

Aos 40’, após bola na área do Grêmio, o zagueiro Rodrigo Moledo apareceu entre os zagueiros e concluiu. Mas o cabeceio parou nas mãos do goleiro Grohe.

Nos minutos finais, Odair promoveu a entrada de D’ Alessandro na vaga de Nico López.

Aos 43’, Fabiano cruzou para Pottker, que chutou em  Damião, mas Geromel cortou o lance. No rebote, Patrick deu uma bicicleta, mas sem direção. Aos 48’, Damião balançou às redes, mas o gol foi anulado por posição irregular do centroavante.

Aos 50′, o clássico foi encerrado com vitória colorada no Beira-Rio. Inter 1 a 0 no placar.

Ouça o gol da vitória colorada

FICHA TÉCNICA

Internacional (1): Marcelo Lomba; Zeca, Rodrigo Moledo, Víctor Cuesta e Uendel (Fabiano); Rodrigo Dourado, Edenilson e Patrick; Nico López (D’Alessandro), William Pottker e Jonatan Alvez (Leandro Damião). Técnico: Odair Hellmann.

Grêmio (0): Marcelo Grohe; Léo Moura, Geromel, Bressan e Cortez; Thaciano (Pepê), Cícero, Ramiro, Luan (Jean Pyerre) e Alisson; André. Técnico: Renato Portaluppi.

Gol: Edenilson (I), aos 14 minutos do segundo tempo.

Cartões amarelos: Nico López, Víctor Cuesta, Rossi (I); Luan, Thaciano, Ramiro, André (G)

Foto: (Ricardo Duarte/S.C. Internacional)

 

Comentários