China: “Esse é o Grêmio mais técnico que eu vi jogar. Os outros times eram mais pragmáticos. Esse aqui parece que toma as rédeas do jogo e decide a hora que vai vencer”.

Campeão da Libertadores e do Mundial de 1983, China foi o entrevistado do Conversa de Arquibancada dessa terça-feira. Devido a toda sua experiência com esse período, o ex-volante gremista falou sobre a ansiedade gerada nos jogadores antecedente a disputa para o Mundial e como ele vê a chegada do time tricolor a esse torneio onde pode medir forças com o Real Madrid.

Na visão do ex-volante apesar de toda ansiedade gerada pela viagem, o atual Grêmio tem um grupo calejado de atletas para suportar isso e saber lidar com todas as possíveis adversidades com relação a viagem. Outro ponto que China vê o time vacinado é quanto a partida semifinal, devido principalmente aos exemplos de Internacional e Atlético Mineiro que caíram antes da final do torneio. Para ele o Grêmio é sabedor que não pode tropeçar nos pedregulhos e sim nas montanhas. E neste campeonato, o Real Madrid é essa montanha que o Grêmio preciso escalar com sabedoria.

Mesmo presente numa equipe que deu muitas alegrias ao torcedor gremista, principalmente ao conseguir o feito de conquistar a Libertadores e o Mundial no mesmo ano, China analisa que esse é o Grêmio mais técnico que ele viu atuar. Pois ao contrário do pragmatismo das demais, essa equipe no conceito do ex-volante tem a capacidade de tomar as rédeas do jogo e decidir a hora que vai vencer. Resumindo, sempre tendo o controle do jogo.

Confira a entrevista completa:

 

 

 

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se você encontrar algo que viole os termos de uso, denuncie.

3 comentários em “China: “Esse é o Grêmio mais técnico que eu vi jogar. Os outros times eram mais pragmáticos. Esse aqui parece que toma as rédeas do jogo e decide a hora que vai vencer”.

Comentários estão encerrados.