CBF anuncia calendário do futebol brasileiro para 2020


Por: Valéria Possamai,

A CBF (Confederação Brasileira de Futebol) publicou nesta quinta-feira (03) o calendário do futebol nacional para 2020 com diversas mudanças e novidades. A Série A do Campeonato Brasileiro terá início em 3 de maio e se estenderá até 6 de dezembro. A Copa do Brasil acontecerá entre 5 de fevereiro a 16 de setembro.

Entre as principais novidades estão a redução dos Estaduais, de 18 para 16 datas, e a pausa das competições nacionais nas datas Fifa, quando a Seleção Brasileira estará em ação nas Eliminatórias para a Copa do Mundo ou em amistosos. Não haverá, porém, parada durante a Copa América, que vai de 12 de junho a 12 de julho. Isso pode gerar desfalques nos clubes em até nove rodadas do Brasileirão.

As pausas nas datas Fifa do segundo semestre significam que a CBF deixará de colocar os clubes para jogarem nas quartas-feiras que antecedem o primeiro dos dois amistosos das seleções durante o período de compromissos internacionais.

Também não haverá jogo nacional no fim de semana em que as equipes nacionais estiverem reunidas. Mas o Brasil costuma fazer amistosos e jogos das Eliminatórias às terças-feiras. Para evitar que os convocados fiquem indisponíveis aos clubes, o compromisso da CBF é colocar sempre às quintas – e não às quartas – as partidas de quem ceder atletas para a Seleção.

A primeira data reservada para os Estaduais é 22 de janeiro. Antes, acontecerá a Supercopa do Brasil. O duelo entre os campeões da Série A e da Copa do Brasil está marcado para 19 de janeiro, em local a ser definido.

A CBF anunciou também uma mudança na Série D. A competição passa a ser disputada por 64 clubes em sua fase principal. O torneio passará de 16 para 26 datas, indo de 3 de maio a 22 de novembro.

Jogos Olímpicos

Além da Copa América, há outra competição que pode afetar os clubes: os Jogos Olímpicos de Tóquio, de 24 de julho a 9 de agosto. O torneio não é data Fifa, logo não há pausa prevista para ele. A participação brasileira no Japão depende da classificação no Pré-Olímpico da Colômbia, de 18 de janeiro a 9 de fevereiro.

Foto:(Divulgação/CBF)

Comentários

>