Espanhol segue ponto a ponto


Por: Jonata, jornalista, radialista e repórter na @rdgrenal.

Faltando apenas três rodadas para o término, a disputa pelo Campeonato Espanhol segue acirrada.

Após a sequência negativa de três derrotas seguidas, o líder Barcelona tratou de fazer 14 gols em 2 jogos. Na quarta-feira (20) já havia goleado o La Coruña por 8 a 0. E hoje (23) tratou de fazer mais seis gols. Suarez, novamente, foi o destaque, com 4 tentos. Neymar e Messi fecharam a conta. Os quatro gols do uruguaio saíram com boa ajuda dos pênaltis: foram três ao todo para o Barcelona na partida, dois convertidos por Suárez e outro por Neymar. Com isso, o time blaugrana tornou-se a equipe mais agraciada com pênaltis em uma única temporada de La Liga: foram 19 ao todo, superando os 16 do Betis na temporada 1986/87.

O vice-líder, Atlético de Madrid, travou duelo contra a equipe do Málaga em um Vicente Calderón lotado. Os colchoneros, contudo, não jogaram bem, tendo o técnico Diego Simeone expulso pouco antes do intervalo. Apesar do jogo truncado, Angel Correa marcou aos 17 minutos da segunda etapa dando a vitória ao Atlético de Madrid e deixando vivo o sonho do título. 

E o terceiro colocado, Real Madrid, também venceu sua partida. Com um time misto, sem Cristiano Ronaldo, a equipe merengue jogou fora de casa contra o Rayo Vallecano e viu o adversário abrir 2 a 0 ainda no primeiro tempo. Apesar do placar negativo, o Real soube se recompor e virou o jogo para 3 a 2, com grande atuação de Bale. O Real não virava um placar de desvantagem por dois gols fora de casa desde os 15 minutos de jogo de Campeonato Espanhol desde 1931, quando derrotou o Athletic Bilbao por 4 a 2.

 

Como fica a tabela

A situação na tabela da 35° rodada fica a seguinte: o Barcelona lidera com os mesmos 82 pontos do Atlético de Madrid, que leva desvantagem no confronto direto. O Real vem logo na cola da dupla, em terceiro, com 81. Para ser campeão, o Barça precisa apenas fazer a sua parte nos últimos três jogos, contra Betis, Espanyol e Granada.

 

 

 

 

Comentários